Imagine Dragons

Compartilhe

Assista ao clipe “Radioactive”

Saiba mais sobre a banda que
conquistou o mundo

Ben McKee baixo,
backing vocal
Dan Reynolds vocal, bateria
Dan Platzman bateria, viola,
backing vocal
Wayne Sermon guitarra, backing vocal

Depois da última nota tocada de um set exaustivo há alguns anos, Dan Reynolds, vocalista do Imagine Dragons, percebeu que as coisas estavam começando a tomar forma. “Estávamos fazendo um show nesse lugar chamado O’Sheas, e eu estava basicamente em pé em cima da bateria porque o palco era muito pequeno. Estávamos fazendo nossa última canção de um set de seis horas, e no final eu desmaiei. Voltei a mim, levantei, terminamos a canção, e fomos ovacionados por todas aquelas pessoas neste pequeno cassino às três horas da manhã de um dia de semana em Las Vegas. Alguma coisa naquele momento nos uniu e nos fez perceber que estávamos construindo uma conexão com pessoas de todo o país”, disse.

Desde então, essa ligação só tem crescido. Reynolds e seus colegas de banda - o guitarrista Wayne Sermon, o baixista Ben McKee e o baterista Daniel Platzman – lançaram três EPs independentes, fizeram várias pequenas turnês e acumularam inúmeros prêmios como “Os Melhores de Vegas”.

Ganhar a vida como um roqueiro em Vegas pode ser relativamente fácil, mas a concorrência é acirrada, porque a cidade é como um acampamento para artistas. Ao contrário de Nova York ou Los Angeles, onde a maior preocupação é ser o artista de rock mais bacana do pedaço, em Las Vegas você tem que competir com a roleta, dançarinas, e a Cher no Caesars Palace. “Você aprende a se destacar porque está competindo com máquinas caça-níqueis para chamar a atenção das pessoas”, explica Reynolds. “Nossa banda não existiria sem Las Vegas. É um ótimo lugar para um artista começar”.

São mais de 15 milhões de singles vendidos e quase 5 milhões de álbuns comprados em todo mundo!

Para o Imagine Dragons, isso significa uma mistura de camadas de batidas, influenciadas pelo hip-hop, sob guitarra, baixo e bateria, emocionalmente diretas. “Nós gostamos de criar sons crus e naturais e transformá-los em sons sintéticos, mas sem perder sua natureza original”, conta Sermon.

Todos os membros da banda, exceto Reynolds, frequentaram a prestigiada Faculdade Berklee de Música, em Boston, e a habilidade técnica e precisão, que vêm com a educação, impactaram o som e o processo do Imagine Dragons. “Eu sou um músico ‘de ouvido’. E quando você coloca esses dois tipos de pessoas juntas em uma sala, é quando a mágica acontece”, confidencia Reynolds.

Eles aprenderam como ser uma banda à moda antiga, escrevendo belas canções e tocando-as ao vivo para um público cada vez maior. Mas a arma secreta é o mistério. “O nome da banda é um anagrama”, explica Wayne. “Nós tínhamos essa frase, mas não queríamos chamar a banda assim, então concordamos em mudar as letras de lugar e surgiu Imagine Dragons. Nós nem sequer dissemos a nossas mães o que era a frase. Como artista você coloca tanto de si mesmo pra fora, que é divertido ter alguma que você mantenha em segredo”, finaliza.

    Compre

Night
Visions

O álbum “Night Visions”, primeiro do Imagine Dragons, é considerado um dos melhores discos do ano.

“Night Visions” está entre os cinco álbuns mais vendidos de 2013! Sucesso de crítica e muito elogiado por quem ouve.

“Night Visions” é o primeiro álbum da banda Imagine Dragons. Com doze faixas inéditas, incluindo os singles “It´s Time” e “Radioactive”, foi #1 no chart Rock e Alternativo e passou 22 semanas na lista de Top 200 álbuns, ambos da Billboard. “Night Visions” estreou em segundo na parada de álbuns da Billboard, vendendo mais de 83 mil cópias – a melhor primeira semana de vendas para um álbum completo lançado por uma banda nova de rock desde maio de 2006.

“Night Visions” traz desde a épica batida lenta de “Radioactive” à acelerada intimidade percussiva de “On Top of the World”, passando pela delicada mistura de violão e pop sintético em “Round and Round”, a coleção apresenta a assinatura do Imagine Dragon - uma diversidade de som e sentimento. O single “It’s Time”, emocionalmente nu, tornou-se o cartão de visita da banda.

O sucesso do álbum tem sido alimentado não só por shows emocionantes da banda durante a turnê nos Estados Unidos (com AWOLNATION) e no exterior, mas também pelo sucesso do hit “It’s Time”, que alcançou o status de Platina; o single passou 41 semanas no chart Alternativo, 44 semanas na parada Triple A e continua a crescer no Top 40 e no Hot AC, vendendo mais de 1,6 milhões de cópias. O single atual, “Radioactive”, chegou ao topo na parada Alternativa e foi certificado Ouro, além de também fazer parte do trailer do filme “The Host” (A Hospedeira), baseado no romance best- seller de Stephenie Meyer, um thriller de ficção científica.

Instagram

Seja Fã

Universal Music Brasil

Apoio Letras

© 2013 Universal Music Brasil. Todos os direitos reservados

Entretém

Fechar
Fechar
Fechar
Fechar
Fechar
Fechar
Fechar
Fechar
Fechar
Fechar